Dicas sobre Curió

23/12/2011 15:30

 

Manter a criação de pássaros é um hobby que requer dedicação e amor. A criação de curiós, por exemplo, pode trazer alegrias e até troféus a seus donos. Mas o curió, como qualquer outro pássaro, necessita de cuidados especiais para manter sua saúde e até para conseguir se tornar um campeão. Que o diga o criador João de Assis, de 45 anos, 35 criando curiós. João afirma que há vários cuidados a serem tomados, desde a alimentação, procriação até o transporte para campeonatos.
Devido à sua experiência inigualável na arte do curió, João de Assis é procurado diariamente por pessoas de todo o Brasil, querendo dicas e informações sobre o seu trabalho. Nesta entrevista exclusiva ao Jornal dos Passaricultores, João de Assis ensina tudo o que é necessário para iniciar uma criação de curiós e para treinar os pássaros para competição.
 
1 - Como se inicia uma criação de curiós ?
Como tudo na natureza, com um casal. Pode-se utilizar um macho para até 10 fêmeas. Isso se for um macho bem tratado. As fêmeas ficam em gaiolas individuais, separadas por divisórias, e não podem se ver. 
 
2 - Quais cuidados devem ser tomados na hora de adquirir um curió ?
Primeiro, é importante que esteja adquirindo um pássaro de um criador registrado no Ibama. Antes de comprar observe se o animal é esperto e atento, o contrário pode significar saúde debilitada.
 
3 - Em que época acontece o acasalamento ?
Acontece, de preferência, de outubro a fevereiro. Quando o macho canta, a fêmea pede a gala para o macho. Ela canta baixinho e levanta a asa. Então, quando ela estiver pedindo a gala o dono deve colocar o macho na gaiola. Depois do acasalamento o macho é retirado novamente.
Meses para reprodução das aves canoras no Brasil: Fraco:       Maio, Junho e Julho; 
Regular:    Abril, Agosto e Setembro; 
Bom:        Março e Outubro; 
Ótimo:      Novembro, Janeiro e Fevereiro; 
Excelente: Dezembro;
 
4 - Como é a criação dos filhotes ? 
A fêmea cuida sozinha dos ovos e dos filhotes. Normalmente, uma fêmea põe de  2 a 3 ovos por mês. Com 12 ou 13 dias os passarinhos saem do ovo. Depois de 8 ou 9 dias saem do ninho. Os filhotes podem ser deixados com a mãe por 30 dias, no máximo.
Todo o processo de acasalamento e criação de filhotes é repetido até o final do período de procriação, em fevereiro. O que totaliza cerca de 8 filhotes por ano de cada fêmea.
 
5 - Qual deve ser a alimentação desses filhotes ?
Deve ser equilibrada com 60% de alpiste; complementos alimentares como milho verde sem cozinhar, que além de alimentar, hidrata; ovo de codorna ou galinha cozido, que são os substitutos da proteína animal que pegariam na natureza (mosquitos); quirela de milho e verduras como almeirão, couve e brócolis, que se tenha certeza que não foram tratados com inseticidas. Pode colocar também o pão francês molhado com água e algumas gotas de Protovit. Atualmente, se usa também a farinha de minhoca. Eu coloco tudo isso ao mesmo tempo na gaiola. A água é mineral. Essa alimentação serve tanto para filhotes como para adultos.
 
6 - É aconselhável colocar água de banho para a fêmea com os ovos ou filhotes ?
Pode colocar água para banho quando está chocando. A humidade que vai ficar no peitinho da fêmea ajuda na incubação. Mas, depois que o filhote nasce, não se coloca mais água para banho.
 
7 - Quando deve começar o treinamento para quem cria pássaros de competição ?
Logo que a fêmea põe os ovos, já se deve colocar os CD's para tocar. Meus CD's foram feitos para acompanhar todas as fases de desenvolvimento do curió. Portanto, os pássaros podem ser treinados desde cedo. O filhote do curió é como uma criança, aprende em etapas. Tem gente que já quer que o curió cante como o CD, mas é aos poucos que ele pega. Mesmo ainda no ovo a audição do curió já está desenvolvida, podendo portanto começar o treinamento.
 
8 - Como deve ser o treinamento do canto ?
O CD deve ser tocado na hora de acordar do pássaro até a hora dele dormir. Liga 30 minutos, desliga 30 minutos. Desse jeito ele não perde a atenção e também não se estressa. Isso deve ser feito até ele aprender. Quando o pássaro aprende pode aumentar o intervalo.
 
9 - Quanto tempo leva para o curió pegar o canto ?
Isso não tem como a gente prever. Há pássaros que são prodígio e com 60 ou 90 dias já estão cantando, outros demoram 10 meses ou 1 ano. A pessoa não deve desistir, às vezes, um pássaro que demorou 5 ou 6 anos para aprender canta muito.
 
10 - Qual o melhor lugar para se ter uma criação ? Um apartamento é um bom lugar ?
Não há problema nenhum em ter uma criação num apartamento. O curió já é uma ave doméstica, já convive com o ambiente doméstico. O importante é que seja um local com temperatura média de 25 Graus Celsius e que não tenha corrente de ar.
 
11 - E para os pássaros que vão participar de campeonatos ? Alguma dica ?
Os curiós de competição devem sair sempre para passear, conhecendo circunstâncias diferentes. É bom passear de carro, ir a locais onde há barulho, fogos e muitas pessoas. Assim o pássaro vai adquirindo confiança ao lado do dono e não se intimida na hora de cantar em uma competição.
 
12 - E o transporte dos pássaros numa competição, como deve ser feito ?
Para viajar é aconselhável transportar o pássaro em uma gaiola pequena, ervitando assim que ele se debata na gaiola. Os puleiros têm de ser finos, para que o curió possa ir bem agarrado a eles. Uma viagem de 500 km, por exemplo, requer, no mínimo, dois dias de descando para o pássaro antes de um torneio. Já viagens de avião não são aconselhadas, pois os pássaros sofrem com a pressurização do avião. É importante lembrar, também, que durante a viagem não podem faltar água e milho, para manter o pássaro hidratado.
 
13 - Para o dia do campeonato, há alguma dica especial ?
O pássaro deve ouvir o CD normalmente. O dono deve deixar ele no carro ouvindo o CD até a hora da apresentação, para ele se sentir em casa, não se esquecendo que o carro deve ficar na sombra. Depois da apresentação, cobre de novo e leva a gaiola para o carro.
 
14 - Mas, afinal, qual é o segredo da sua família para conseguir essa coleção enorme de troféus ?
Alguns criadores me chamam de "O Mago" do Praia Grande Super Clássico, devido à dificuldade que se tem de ter um curió com o canto clássico. Meu pai descobriu como se ensinava um curió a cantar a canção desejada. Se você colocar dois papagaios juntos eles irão conversar e não imitarão as pessoas ou barulhos do ambiente. Já um papagaio sozinho aprende a imitar a fala dos seres humanos e os barulhos. A mesma coisa acontece com o curió, você só pode ensinar um por vez, apenas um. Esse é o método João de Assis. Se quiser ensinar dois, tem que ter muito espaço para que eles não se comuniquem. Pois se ele ouvir outro pássaro, não aprenderá o CD. Um canário do reino, se ouvir um curió cantando vai imitar o curió. Um canário de apartamento, por exemplo, que não conviva  com outros pássaros pode imitar o pardal, se houver muitos por perto. O segredo do sucesso é a dedicaçào, a persistência. Tem que tentar, uma hora consegue. 
 
Fonte: http://www.angelfire.com/ks2/curiomontreal/dicas.html